Como guiar um corredor cego

1,025 visualizações
Arquivos e descrição

Guiar um corredor cego, ou com alguma deficiência visual, não é difícil. Basta conhecer algumas técnicas básicas.

Este vídeo abre o último capítulo do programa de corrida: "Guiando Corredores".

Primeiramente, vamos conhecer duas técnicas de guia. Em seguida, vamos passar pela comunicação durante a corrida e, finalmente, daremos alguns conselhos práticos.

Tradução: Deborah Ribeiro

Quem colaborou
DeborahRibeiro - Sikana
DeborahRibeiro
Tradução
Carregando...

Neste vídeo, vamos ensinar a guiar um corredor cego.

Guiar um corredor cego, ou com alguma deficiência visual, não é difícil. Basta conhecer algumas técnicas básicas.

Assim, a corrida se transforma em um verdadeiro esporte coletivo!

Primeiramente, vamos conhecer duas técnicas de guia. Em seguida, vamos passar pela comunicação durante a corrida e, finalmente, daremos alguns conselhos práticos.

Começaremos com as técnicas de guia: na primeira utilizamos uma corda e na segunda seguramos o punho do corredor.

Se escolher a corda, prefira uma que meça de 40 a 50cm, ou uma corda elástica.

Cada um encaixa o punho numa das extremidades da corda. Se escolher a corda elástica, encaixe-a no dedo médio.

Este método é ideal para correr em terrenos planos, mas pode ser inadequado em terrenos irregulares.

Neste caso, é melhor optar pela técnica de segurar o punho.

Você pode guiar o corredor cego segurando-o pelo punho, ou permitir que ele segure seu punho.

O contato direto permite mais rapidez e precisão,

Aconselhamos a combinação das técnicas de guia, dependendo da largura, do tipo de terreno e da presença ou ausência de obstáculos na superfície.

Vejamos agora algumas dicas para estabelecer uma boa comunicação durante a corrida.

Dê sempre instruções bastante claras e precisas ao seu companheiro.

Diga o que vai fazer e em qual direção está indo, em seguida descreva o espaço em que vocês estão.

Informe ao corredor cego sobre a aproximação a uma curva, uma subida ou qualquer obstáculo.

Se aparecer uma passagem estreita, diminua a velocidade e coloque seu cotovelo nas suas costas. Assim, o seu parceiro pode segurar seu cotovelo e avançar protegido e seguro.

Para concluir, mais alguns conselhos úteis.

Sempre que possível, evite terrenos irregulares e com obstáculos.

Como guia, você deve se adaptar ao ritmo do seu companheiro e antecipar decisões, isto é, muitas vezes é preciso ter um nível de prática, no mínimo, igual a seu companheiro.

Por fim, antes de começar, não se esqueçam de combinar qual o ritmo da corrida.

Ser um guia de corredores cegos exige um pouco de prática, mas é algo que permite compartilhar a alegria de correr!

Download
En poursuivant votre navigation sur ce site, vous acceptez l'utilisation de cookies pour vous proposer des services adaptés à vos centre d'intérêts. En savoir + OK