Escolher um mapa

2,615 vizualizações
Arquivos e descrição

Este vídeo é voltado a iniciantes em trilhas e caminhadas. Ele ensina como escolher um mapa para trilhas.

Escolher um bom mapa — isto é, um mapa topográfico com informações de relevo e área que seja o mais preciso possível — permite que você torne-se independente na sua trilha, fazendo escolhas de trajeto de forma consciente. Um mapa é um "GPS em papel": ele retira a dependência de aparelhos eletrônicos, que podem te deixar na mão se eles não encontrarem sinal de rede ou pararem de funcionar. Aqui nós explicamos como fazer a boa escolha de mapa em duas etapas: ao distinguir o mapa topográfico de outros mapas e demonstrando qual mapa utilizar.

Este é o primeiro vídeo do capítulo "Orientação na trilha", que ensina as bases da localização nesse esporte.

Leading the World - jewelbeat.com
Locução: Carol Godinho, Lucilia Wuillaume e Nathalia Costa

Carregando...

ESCOLHER UM MAPA PARA TRILHA

Neste vídeo, você vai aprender a escolher um mapa para trilha. O mapa te dá independência para fazer escolhas durante sua trilha. Ela também te torna independente de aparelhos eletrônicos, que são práticos, mas também podem te abandonar se eles pararem de funcionar.

Quando você escolher seu mapa de trilha, dois elementos são essenciais: use um mapa topográfico e o mapa mais preciso possível.

Primeiramente, o mapa topográfico. Existem vários tipos de mapas e nem todos são equivalentes.

Os mapas turísticos, por exemplo, não são úteis para trilhas. Eles não são precisos, não cobrem grandes áreas e raramente respeitam alguma escala.

Os mapas rodoviários são interessantes, porque eles são confiáveis, mas eles não oferecem informações sobre o relevo. Se você faz uma trilha em uma área de vales ou morros, esses mapas podem te levar a situações perigosas porque eles não indicam as zonas íngremes.

Quando você fizer sua trilha, use um mapa topográfico, isto é, um mapa que apresenta o relevo. Ele é graficamente representado par sombras e curvas de nível.

Não se esqueça de escolher o mapa mais preciso possível. O mapa com escala de 1 para 25 mil é o mais utilizado em trilhas, mas um mapa com escala de 1 para 50 mil também serve

A escala de 1 para 25 mil significa que cada centímetro do mapa equivale a 25 mil centímetros de área, ou 250 metros.

Isto é, 1 milímetro no mapa representa 25 metros de área. Assim, um mapa de 1 para 25 mil tem precisão suficiente para uma trilha porque ele permite que a medição das distâncias seja precisa.

Ao observar seu mapa topográfico, verifique que seu itinerário está mais ou menos no centro da folha. Se ele ultrapassa os limites, adquira um mapa complementar. Isso é muito importante!

Para praticar, compre um mapa da sua região e tente localizar nele os lugares que você conhece bem.

Em resumo, se você for caminhar, tenha um mapa topográfico o mais preciso possível.

Download
En poursuivant votre navigation sur ce site, vous acceptez l'utilisation de cookies pour vous proposer des services adaptés à vos centre d'intérêts. En savoir + OK