Nado submerso

1,697 visualizações
Arquivos e descrição

Neste vídeo você vai aprender como fazer o nado submerso, uma técnica fundamental para nadar em zonas de arrebentação intensa.

Este é o sexto vídeo do programa de surf da Sikana, Neste capítulo, você vai aprender mais sobre os elementos básicos do surf.

O nado submerso consiste em quatro etapas: propulsão e recuperação na braçada, deslize e pernada.

Trilha sonora: Easy Roller - Chill Study; The Road Less Traveled - Olive Musique; Skyline - Gentle Fire Studio; Brooklyn Bridge - Mattijs Muller.

Carregando...

Às vezes, quando o mar está mexido, cheio de ondas grandes ou maré forte, pode ser mais fácil se deslocar por baixo d'água do que na superfície — mesmo com a prancha.

Neste vídeo você vai aprender como fazer o nado submerso, uma técnica fundamental para nadar em uma zona de arrebentação intensa.

Pratique essa técnica em piscina antes de cair no mar. Se possível, use óculos de natação para favorecer a concentração nos movimentos do corpo.

Para complementar esse treino você também pode assistir os vídeos do programa de natação da Sikana sobre o nado de peito.

O nado submerso consiste em 4 etapas: propulsão e recuperação na braçada, deslize e pernada.

A propulsão é basicamente puxar a água ao longo do corpo, buscando o apoio necessário para acelerar o corpo à frente.

Nesta fase você tem de aumentar o apoio com uma leve mudança de direção no momento de puxar a água: para trás e para fora; para trás e para dentro; para trás novamente, até a completa extensão do cotovelo.

Essa última fase tem particular importância na intensidade da propulsão.

Ao terminar a propulsão, deixe o seu corpo deslizar por cerca de um segundo, aproveitando o impulso na forma de inércia.

Durante o movimento mantenha o queixo junto ao tórax, para evitar que que a água diminua a energia.

No instante em que seu impulso acabar, dê uma pernada como no nado peito.

Aproveite esse instante para também recuperar a braçada.

Ao começar a pernada, aproxime as palmas das mãos do abdômen.

De maneira similar ao nado de peito, desvire as mãos para que as palmas fiquem voltadas para o chão.

Expire aos poucos ao longo dos movimentos, evitando o impulso de soltar todo o ar de uma só vez. Faça os movimentos com calma para não gastar oxigênio demais.

Download
En poursuivant votre navigation sur ce site, vous acceptez l'utilisation de cookies pour vous proposer des services adaptés à vos centre d'intérêts. En savoir + OK