Manobras aéreas

376 visualizações
Arquivos e descrição

Nesse video você vai aprender como fazer um aéreo simples antes de explorar suas variações, como rotações 180°, reverse, etc.

Este é o último vídeo do capítulo "Manobras" do programa de surf. Nesta parte, você vai aprender as técnicas para mandar as primeiras manobras na água.

Quando o assunto é manobra aérea, o aéreo de frontside e backside são manobras elementares. O aéreo consiste basicamente em decolar da onda com sua prancha para pousar a seguir um pouco mais a frente.

Trilha sonora: Easy Roller - Chill Study; The Road Less Traveled - Olive Musique; Skyline - Gentle Fire Studio; Brooklyn Bridge - Mattijs Muller.

Carregando...

Quando o assunto é manobra aérea, o aéreo de frontside e backside são manobras elementares. O aéreo consiste basicamente em decolar da onda com sua prancha para pousar a seguir um pouco mais a frente.

O controle do aéreo e seus pontos fundamentais é algo básico para passar a manobras aéreas mais complexas, como rotações 180°, 'reverse', alley-oop, grabs e rodeos. Nesse video você vai aprender como fazer um aéreo simples antes de explorar suas variações.

A técnica do aéreo pode ser divida em três etapas: a decolagem, o vôo e o pouso.

Ao fazer um aéreo, identifique o ponto ideal de decolagem na crista e a trajetória que você vai percorrer do momento da aceleração até o pouso.

Mantenha o olhar fixo no ponto de decolagem e comece a sua aceleração na parede da onda.

Para poder decolar da onda, é fundamental que você tenha uma boa velocidade até chegar à crista.

Por isso você precisa de uma distância suficiente de aceleração até chegar no ponto de decolagem.

Ao chegar ao ponto de decolagem, dê uma virada leve até a parte mais cavada da crista e impulsione sua decolagem com o pé de trás.

O pé da frente guia a prancha numa leve rotação para voltar na direção da onda e restabelecer o equilíbrio.

Quando você estiver no ar, comprima seu corpo e fique junto a sua prancha.

Levante seus braços para tirar um pouco o peso da prancha.

Continue guiando a prancha com o pé da frente e com os ombros. Nessa etapa é importante que você mantenha o olhar fixo no ponto onde você pretende pousar.

Enquanto você estiver olhando para o local de pouso, mantenha o equilíbrio com o corpo bem em cima da prancha.

O pouso é uma parte difícil do aéreo.

Nunca pouse na parte baixa e mais lisa da parede da onda pois isso vai provocar um choque muito forte na prancha.

Esse impacto pode provocar lesões no seu corpo, especialmente nos joelhos.

Tente aterrissar no ponto macio da onda, especialmente na espuma recém-formada. Aí você encontra um amortecimento natural e fluido.

Ao preparar o pouso, estenda suas perna sem tirar o olho do ponto de pouso.

Ao pousar a prancha na espuma, dobre os joelhos e comprima o corpo para absorver o choque e amortecer o impacto.

O controle do aéreo é algo demorado. Para chegar lá, você precisa ser paciente, treinar e praticar muito.

Somente com a prática você vai sentir e pegar o tempo dos movimentos.

Download
En poursuivant votre navigation sur ce site, vous acceptez l'utilisation de cookies pour vous proposer des services adaptés à vos centre d'intérêts. En savoir + OK