Proteger-se contra o Ebola

2,624 vizualizações
Arquivos e descrição

Neste vídeo você vai aprender medidas simples para se proteger contra o Ebola.

O Ebola é uma doença com alto poder de contágio que pode ser fatal a curto prazo. Medidas simples podem evitar que ela se espalhe entre humanos e animais.

Carregando...

A febre hemorrágica do vírus do Ebola é uma doença muito contagiosa que pode tornar-se mortal rapidamente para o homem.

Entre 2 e 21 dias depois de ter entrado em contato com o vírus, um ou mais desses sintomas da doença podem aparecer:

- uma febre superior ou igual a 38 graus ou uma sensação de corpo quente.

- dores de cabeça.

- dores musculares e nas articulações.

- uma sensação de cansaço ou perda de apetite.

E alguns dias depois podem aparecer:

- vômitos.

- diarreias.

- dores de garganta.

- erupções cutâneas.

- ou sangramentos inexplicáveis.

Uma pessoa é contagiosa somente a partir do momento em que ela apresentar um desses sintomas da doença.

O vírus do Ebola entra no corpo através:

- da boca.

- do nariz.

- dos olhos.

- dos genitais.

- ou por uma lesão cutânea.

Até hoje, não existe um tratamento de cura, mas o rápido atendimento por uma equipe especializada aumenta as chances de sobrevivência!

Quando um doente está curado e sai do centro, ele não corre mais o risco de transmitir a doença ao seu entorno, exceto:

- pelo esperma, durante 3 meses para os homens.

- ou pelas secreções vaginais durante 2 semanas para as mulheres.

Por isso é importante usar camisinha!

O vírus se transmite entre os homens.

Ele se encontra nos fluidos corporais:

- o sangue.

- a saliva.

- a urina.

- o leite materno.

- o esperma.

- o suor.

- as fezes.

- e os vômitos.

Mas também em todos os objetos que tenham sido contaminados por esse tipo de líquidos.

Para evitar a propagação do vírus, evite de forma geral o contato direto com seu entorno.

Se algum de seus parentes apresentar pelo menos um sintoma da doença: Ligue imediatamente para o número de alerta.

Evite o contato com qualquer fluido corporal do doente!

Enquanto espera a chegada da equipe médica, escolha apenas uma pessoa para tomar conta dele.

Essa pessoa deverá:

- usar luvas.

- limitar o contato com o doente.

- e deverá ser muito cuidadoso para não colocar as mãos na boca, nem coçar os olhos ou o nariz.

Se vier a ocorrer algum contato direto com os fluidos do doente ou ambiente, deverá lavar imediatamente as mãos com água e sabão ou com uma solução de cloro.

Atenção, se o doente falecer, é importante não tocar no corpo nem no ambiente porque os líquidos corporais do defunto são ainda mais contagiosos que quando estava vivo!

Deverá chamar imediatamente uma equipe especializada para manipular corpo, com dignidade, mas sem risco de contágio.

O vírus do Ebola também pode ser transmitido por animais selvagens.

Não toque nos líquidos corporais desses animais, sobretudo se estiverem mortos, porque, de novo, nesse caso os líquidos corporais são ainda mais contagiosos.

Não coma esses animais, nem os frutos que eles já tiverem mordido, porque é possível que já estejam contaminados pelo vírus.

Em conclusão, para evitar a propagação do vírus do Ebola adote essas medidas de prevenção e não espere para consultar uma equipe médica em caso de dúvidas!

Download
En poursuivant votre navigation sur ce site, vous acceptez l'utilisation de cookies pour vous proposer des services adaptés à vos centre d'intérêts. En savoir + OK