Dar um nó na câmara de ar

1,657 visualizações
Arquivos e descrição

Aprenda a dar um nó na câmara de ar do pneu, uma gambiarra bem útil para situações de emergência.

Este é o quinto vídeo do último capítulo do programa de ciclismo da Sikana. Nesta parte, você vai aprender as técnicas básicas e fundamentais para resolver problemas na bicicleta — de pneu furado a correntes irregulares.

Por incrível que pareça, esta técnica é muito eficiente para casos de pneu furado em que não haja uma câmara de ar reserva disponível. No entanto, recomendamos que você troque a câmara assim que possível.

Trilha: KAST - "Paradize" (Publicado por Alter K)

Carregando...

Neste vídeo, você vai aprender a dar um nó na câmara de ar do pneu.

Por incrível que pareça, esta técnica é muito eficiente para casos de pneu furado em que não haja uma câmara de ar reserva disponível. No entanto, recomendamos que você troque a câmara assim que possível.

As etapas básicas são: remover a câmara de ar, localizar o furo, dar o nó e recolocar a câmara.

Você vai precisar de uma bomba de ar. Espátulas para pneu são recomendadas.

Primeiramente, remova a roda da bicicleta e depois remova a câmara de ar do pneu.

Para aprender a fazer isso, veja nossos outros vídeos sobre pneu furado: "Como Tirar as Rodas da Bicicleta" e "Como Recuperar um Pneu com um Kit de Reparo"

A seguir, localize o furo e marque o ponto com uma caneta ou giz para que você não o perca.

Aperte bem a câmara na região que circunda o furo para deixar o mínimo espaço possível para o ar.

Dê um nó na câmara de modo que a área do furo fique isolada.

Dê um nó apertado. Isso garante que pouquíssimo ar vai escapar e que o nó não fique tão grande dentro do pneu.

Infle a câmara um pouco para verificar que o ar não está escapando.

Se o ar não escapa, o nó foi bem feito!

Recoloque a câmara de ar entre o aro e o pneu.

Como o nó reduziu a circunferência da câmara, pode ser um pouco mais difícil fazer isso. Use mais força e, se possível, uma espátula de pneu.

Com a câmara e o pneu de volta, pressione a área do nó para que o desnível provocado por ele seja mínimo.

Bombeie mais uma vez o pneu, mas dessa vez faça a calibragem um pouco abaixo do valor recomendado no pneu. É mais seguro fazer isso nesse caso.

Essa é uma técnica emergencial para que você possa terminar sua pedalada caso você não tenha um kit de reparo ou uma câmara reserva.

Troque-a assim que possível e pedale com cuidado.

Bom passeio!

Download
En poursuivant votre navigation sur ce site, vous acceptez l'utilisation de cookies pour vous proposer des services adaptés à vos centre d'intérêts. En savoir + OK