Is this subtitle correct?

Autonomia do bebê

203 visualizações
Back to the program
Arquivos e descrição

No dia a dia, pequenas atitudes são capazes de estimular a autonomia de um bebê. Carolina, mãe da Manu, acredita que a independência de um adulto começa a ser construída na primeira infância, e neste vídeo nos conta como faz para se sentir mais segura quando precisa deixar a filha sozinha.

A relação social e afetiva para além da conexão mãe e bebê é o tema do último vídeo do capítulo “Relações afetivas entre pais e filhos”. Acompanhe a série completa sobre “Cuidado e Higiene do Bebê” na nossa plataforma www.sikana.tv/baby-care e compartilhe com quem está atravessando as emoções e desafios da primeira infância.

Esse programa foi desenvolvido em parceria com o projeto Saúde Criança, com apoio da Granado, além de especialistas da área e as famílias que trouxeram suas vivências, dicas e histórias.

Para saber mais sobre o Saúde Criança, uma associação que vem transformando a vida de milhares de famílias com uma metodologia própria, assista ao vídeo que introduz toda a série.

Music credits : Palavra Cantada tocada

Carregando...

O que eu quero pra vida da Manu é que ela seja uma pessoa super independente,.

tenha bastante autonomia e consiga fazer tudo o que ela deseja

Eu acredito que no dia-a-dia, com pequenas coisas, a gente consegue desenvolver bastante o bebê.

Então, se você quer que uma criança alcance um objeto, por exemplo

Você tem que deixar aquele objeto perto dela e não entregar na mão dela

Ás vezes, quando o bebê nasce a gente quer ele tanto pra gente.

que a gente acaba atrasando um pouquinho esse desenvolvimento

Desde cedo os bebês tem que aprender que há diversas formas de se relacionar e de se expressar.

Estimular esse contato da Manu com outras pessoas fez com que eu ficasse muito mais segura quando eu preciso sair pra resolver alguma coisa.

ou algum momento que eu preciso tirar pra ficar sozinha mesmo

Não é fácil a gente se afastar do bebê, porque a gente acha que ninguém vai conseguir cuidar tão bem quanto a gente

Mas se a gente parar pra pensar é muito importante a gente ter essa individualidade

E manter a nossa vida independente da chegada do bebê

A gente precisa abrir a nossa mente e saber que as outras pessoas vão cuidar tão bem quanto a gente.

Eu acho que uma ótima maneira pra aproximar o pai do bebê é deixar ele, por exemplo, dar um banho

Trocar fralda e fazer uns outros cuidados que não precisa ser a mãe necessariamente

Um outro medo que eu também sentia era das pessoas pegarem a Manu no colo,

Mas é um medo que a gente tem que perder

O bebê precisa do contato com outras pessoas porque isso é muito importante pro desenvolvimento dele.

É claro que não é fácil pro bebê se sentir confortável no colo de uma outra pessoa

E pra gerar esse conforto nela eu sempre instrui a pessoa das coisas que o bebê gosta

Como ela se sente confortável, uma posição, um cheiro, uma brincadeira e com isso ela vai facilmente se adaptando

Então acredito que aos poucos ela vá ganhando um desenvolvimento o que vai fazendo com que ela fique mais independente.

Download

Next video

Sikana - Como prevenir assaduras
En poursuivant votre navigation sur ce site, vous acceptez l'utilisation de cookies pour vous proposer des services adaptés à vos centre d'intérêts. En savoir + OK